Post: 12285 | Data: 27/02/2018 | Visitas: 586

Câmara de Vereadores deve aprovar projeto que reajusta em 50% salário dos Conselheiros Tutelares de Baixa Grande

Na sessão da Câmara de Vereadores de Baixa Grande na última sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018, foi discutido e aprovado em 1ª votação o polêmico projeto de Lei 01/2018 de autoria do Executivo Municipal, o projeto autoriza o Executivo a aumentar o salário dos Conselheiros Tutelares que atualmente é de R$ 952,00 (um salário mínimo) para R$ 1.431,00 (Um salário e meio). Com ausência de dois parlamentares o projeto foi aprovado em primeira votação com 8 votos a favor e 1 contra, a segunda votação deve ocorrer nesta sexta-feira, 2 de março.

 

Apesar de ser justo o pagamento destes profissionais o que chama atenção é o impacto que vai causar na folha pessoal, e o impedimento de algum dia o município quera realizar concurso público, uma vez que a folha com pessoal cresce a cada dia e complica os gestores a cumprir com a Lei de Responsabilidade Fiscal. Observando a folha de janeiro dos 666 servidores lotado na prefeitura 127 tem como salário base um salário mínimo (R$ 952,00), sendo aprovado este projeto com certeza os demais servidores irão recorrer a reajusto. O que é mais que justo, no entanto o que pode questionar é o reajusto de 50%. Sendo aprovado este projeto o impacto na folha pessoal é de R$ 28.620,00 ano.

 

Analisando pela folha do TCM, dos 15 municípios que compõem o território de identidade, em 11 o salário dos conselheiros tutelares é de R$ 952,00, em Ipirá os mesmo recebem uma gratificação elevando o salário para R$ 1.061,93, em Baixa Grande, caso o projeto seja aprovado o salário dos conselheiros tutelares serão de R$ 1.431,00, se os demais servidores solicitar este reajusto o impacto na folha pessoal será de R$ 961.362,00 anual.

 

O QUE SERIA JUSTO

Seria justo que o gestor desce aos Conselheiros Tutelares um aumento em forma de gratificação como é feito em alguns municípios, esta gratificação fica em torno de 10 a 15% encima do salário base e não um aumento de 50% como prevê o projeto, caso aprovado será um “tapa na cara” dos milhares de jovens desempregados que sonha um dia concorrer a concurso público em Baixa Grande.

 

SALÁRIO DE CONSELHEIROS TUTELARES NA BACIA DO JACUÍPE

www.baciadojacuipe.com.br
Por: Ediomário Catureba

Seja o primeiro a comentar esta postagem!


Nome:

Comentário:

Design: Catu Informática | Ediomário Catureba

Rua Joel Campos, 125 - Alto de Guinho - Baixa Grande - BA

E-mail: ediomario@baixagrande.net - Tel: 74 99962 3779


utilizadores online